COMUNICAÇÃO E MÍDIA

Notícias

Confira dicas de segurança para imóveis durante as férias
23/01/18 13:54

Janeiro é sinônimo de férias e de curtir o calor. Por isso, a procura por ranchos e casas de veraneio costuma ser grande nesta época. Mas é importante que a pessoa fique atenta à segurança, tanto da casa onde mora, que ficará vazia, como do imóvel que vai alugar.

O G1 listou algumas dicas de segurança, que sempre são reforçadas pela Polícia Militar. Algumas dicas devem ser adotadas durante todo o ano, como ter cercas elétricas e câmeras de monitoramento. Atualmente, há câmeras de segurança com aplicativo no celular, que possibilita o monitoramento do imóvel em tempo real.

Além disso, é importante ter cadeados, que podem dificultar o acesso às casas. Outra dica simples é fazer a limpeza das calçadas. Abundância de folhas e sujeiras podem chamar atenção e denunciar que não há ninguém em casa. Por isso, a recomendação é pedir para algum parente ou vizinho varrer a frente da casa.

Já na parte interna do imóvel, a entrega de jornais e revistas deve ser suspensa no período que você estiver fora. A iluminação também é importante. Mas atenção, não adianta deixar uma luz acesa dia e noite. O ideal é que alguém apague a luz durante o dia e deixe a luz acesa apenas por um período.

Também é recomendável avisar vizinhos ou até deixar a chave com alguém de confiança para que fique de olho na casa.

Confira outras dicas da Polícia Militar:

Tenha a certeza de ter fechado sua casa antes de sair, sem deixar objetos à vista que possam chamar a atenção;
Desligue da tomada todos os aparelhos e equipamentos que não serão utilizados e confira se o registro de gás está fechado;
Deixe um vizinho ou amigo ciente de sua localização e oriente-o a acionar a Polícia Militar pelo telefone 190 se algo suspeito acontecer.

Seguro cresce
O mercado em si também mostra que as pessoas estão se precavendo de possíveis furtos das casas durante as férias. Segundo Jarbas Medeiros, superintendente de ramos elementares de uma seguradora, sempre no fim e no início de ano a procura por seguro residencial se intensifica.

“Tanto para a residência onde o cliente mora, muito pela preocupação de deixar o imóvel sozinho, quanto para a casa de praia ou campo, porque poderão contar com assistência para pequenos reparos e resguardar seus bens durante o período em que estiveram desfrutando suas férias”, afirma.

Jarbas diz que o seguro de ranchos, sítios, chácaras e fazendas, o crescimento médio nesta época do ano é em torno de 15%. O superintendente fala da importância de fazer um seguro em casas de veraneio.

“Durante a estadia em casas de temporada, seja praia ou campo, o segurado não precisa se preocupar com imprevistos, contará com as coberturas tradicionais de um seguro residencial, além de serviços como encanador, eletricista, reparos em linha branca, e o check-up veraneio. O período pós-férias também não será uma preocupação, seja por deixar a casa de temporada vazia ou por se deparar com algum problema inesperado quando retornar para ela, já que o seguro ampara da mesma forma os imprevistos que acontecerem nesse período após as férias”, afirma.

G1

 

180 acessos


Compartilhe

Assista nosso vídeo institucional